Roteiro de La Paz a Machu Picchu

“Vamos a Machu Picchu?” A pergunta feita por D. foi o bastante para que eu começasse as pesquisas que culminaram com um roteiro de La Paz a Macchu Picchu.

Embora viva mencionando, vou reafirmar: para nós Viagens são projetos. Afinal, temos fases de pesquisa, estimativa de custos, cronograma financeiro, cronograma de duração, logística (como ir de um lugar a outro)…

As pesquisas são importantes para minimizar problemas. Dessa forma, ainda durante a fase das pesquisas, quando vimos a altitude de algumas cidades, começamos a pensar como realizar a ambientação. Afinal, eu já havia sofrido com o soroche (mal estar causado pela altitude com sintomas como cansaço, dor de cabeça, enjoo…) em nossa viagem ao Deserto do Atacama.

Estar bem fisicamente em Cusco é fundamental. Pois para realizar os passeios pelos sítios arqueológicos e à montanha colorida é necessário muita disposição.

Assim, a solução foi realizar uma rota inversa à maioria dos viajantes. A viagem começaria em La Paz (3.600 de altitude), seguiria para o Lago Titicaca (Copacabana e Puno localizados a 3.800 metros de altitude), passaria por Cusco (3.400 metros de altitude), desceria pelo Vale Sagrado dos Incas até Machu Picchu (2.400 metros de altitude) e encerraria em Lima (154 metros de altitude).

Embora essa rota contrarie as recomendações de aumentar a altitude gradativamente, ela fornece aproximadamente uma semana de aclimatação até chegar a Cusco.

Nossa preocupação pode parecer besteira mas, além de morarmos ao nível do mar, nossos cabelos brancos já nos colocam no grupo de risco de muitos seguros de viagem.

Assim, conscientes de que teríamos que reduzir o ritmo e estar atentos as reações de nossos corpos, criamos o roteiro de La Paz a Machu Picchu com encerramento em Lima. Uma viagem unindo Bolívia e Peru, dois países de cultura tão rica.

Roteiro de La Paz a Machu Picchu + Lima

Foram 17 dias de viagem. Bem como a maior parte dos trajetos foi percorrida em ônibus intermunicipais. Assim, observamos aspectos da cultura andina. Enquanto comparamos similaridades e diferenças entre cidades bolivianas e peruanas

Também resolvemos dormir em Aguas Calientes. Pois dessa forma, visitaríamos as Ruínas de Machu Picchu descansados.

Só para ilustrar, vamos fazer umas contas. Leva-se em torno de 02:00 horas para percorrer a distância entre Cusco a Ollantaytambo. Assim como o trem, a partir de Ollantaytambo, leva em torno de 01:30 horas de viagem até chegar a Aguas Calientes. Também temos que levar em consideração o trajeto de 30 minutos de micro-ônibus até o Sítio Arqueológico de Machu Picchu. Assim sendo são, pelo menos, 04 horas em trânsito até chegar às famosas ruínas.

Mais o estresse de estar com passagens compradas e precisar que tudo dê certo para que você esteja no lugar certo, no horário certo.

Foi a partir dessa análise que resolvemos dormir em Aguas Calientes para visitar as Ruínas de Machu Picchu totalmente descansados.

Para informações, basta clicar sobre o nome da cidade no planejamento abaixo.

Nosso Planejamento

  • 01o dia: Voo do Brasil para La Paz utilizando a empresa aérea LATAM
  • 02o e 03o dias: La Paz
  • 04o dia: ônibus de La Paz para Copacabana (Lago Titicaca) utilizando a empresa TRANS TITICACA
  • 05o dia: Copacabana (Lago Titicaca)
  • 06o dia: ônibus de Copacabana para Puno (Lago Titicaca) utilizando a empresa TRANS TITICACA
  • 07o dia: Puno
  • 08o dia: ônibus de Puno para Cusco utilizando a empresa CRUZ DEL SUR
  • 09o e 10o dias: Cusco
  • 11o dia: utilização do Tour pelo Vale Sagrado (Chinchero, Salinas de Maras e Terraços de Moray) para ir até Ollantaytambo.
  • 12o dia: Trem Turístico da empresa PERU RAIL para ir de Ollantaytambo a Aguas Calientes (Machu Picchu Pueblo)
  • 13o dia: Trem Turístico da empresa PERU RAIL para retornar de Aguas Calientes (Machu Picchu Pueblo) a Ollantaytambo
  • 14o dia: Transfer em carro particular de Ollantaytambo até o Aeroporto de Cusco. Voo para Lima utilizando a empresa aérea lowcost VIVA AIR
  • 15o e 16o dias: Lima
  • 17o dia: Retorno de Lima para o Brasil utilizando a empresa aérea LATAM

Reservas Parceiras:

Se você gosta de nosso conteúdo, marque-nos como um de seus favoritos e divulgue nossos textos nas redes sociais. Mas, sobretudo, faça suas reservas através de nosso site. Assim, você nos incentiva a continuar produzindo conteúdos de qualidade.